Viés de crescimento

Pesquisa mostra expectativa de retomada nas vendas do setor da construção

Pesquisa mostra expectativa de retomada nas vendas do setor da construção

De acordo com dados apurados pela Pesquisa Tracking mensal da Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção (Anamaco), as vendas do varejo de material de construção ficaram estáveis em agosto na comparação com julho. Entretanto, o levantamento revela que houve crescimento de 4% em agosto em relação ao mesmo mês de 2016.  A pesquisa entrevistou 530 lojistas entre os dias 27 a 31 de agosto. “Com esses resultados, o volume de vendas no ano apresenta alta de 3%, se comparado ao mesmo período do ano passado. Já nos últimos 12 meses, ainda há retração de 2%”, explica Claudio Conz, presidente da Anamaco.
O estudo aponta que o desempenho, em agosto, foi diferente nas regiões do País. No Sudeste, metade das lojas do setor apresentou desempenho estável. já no Centro-Oeste e Sul, as revendas registraram retração de 4% e 2%, respectivamente. No Norte e no Nordeste, no entanto, as vendas cresceram 3% e 4% no período. “As pessoas seguraram os gastos o quanto puderam, mas chega uma hora em que é preciso retomar a obra parada ou iniciar aquela reforma que vinham planejando há algum tempo. O momento é de retomada da confiança do consumidor e isso faz com que o nosso setor volte a se movimentar”, observa Conz.
De acordo com a Anamaco, o segundo semestre, tradicionalmente, corresponde a 65% do volume de vendas no ano e a previsão é que até o final de 2017 o setor apresente crescimento de 5% sobre 2016. “Há um sentimento de forte retomada das vendas em 2017, o que é natural depois de termos passado por dois dos piores anos da nossa série histórica”, afirma o presidente da entidade.
A Pesquisa Tracking Anamaco tem o apoio da Associação Nacional dos Fabricantes de Cerâmicas para Revestimentos, Louças Sanitárias e Congêneres  (Anfacer), Associação Brasileira dos Fabricantes de Tintas (Abrafati) e Instituto Crisotila Brasil.  

 

Compartilhe esse post:

Comentários